Manaus tem invasão inglesa antes do clássico na Arena Amazônia

Em grande maioria, fãs do English Team fazem a festa no Teatro Amazonas e elogiam Floresta Amazônica

iG Minas Gerais | LEANDRO CABIDO E GUILHERME GUIMARÃES |

Ingleses se aglomeram em festa próximo ao Teatro Manaus
Leandro Cabido/Webrepórter
Ingleses se aglomeram em festa próximo ao Teatro Manaus

Os ingleses invadiram Manaus para acompanhar o jogo desta noite entre Inglaterra X Itália, em partida válida pelo grupo D da Copa do Mundo. Onde se passa, os torcedores se exaltam, mostram seu amor ao país e a bandeira. E, claro, não podiam deixar marcar presença em um dos cartões postais da cidade, o famoso e majestoso Teatro Amazonas. O local foi totalmente tomado pelos fãs do English Team, que além de conhecer um pouco da cultura amazonense, aproveitam para beber (muito) e ver os jogos da Copa do Mundo em um telão.

Para Darrick Couth, a cidade de Manaus é uma grande cidade, bonita, e acolhedora. Porém, a distância do centro econômico do país incomoda um pouco. "Acredito que está tudo ótimo, mesmo com o calor, que incomoda, mas não chega a atrapalhar. A Floresta é maravilhosa, mas ficar longe de São Paulo e Belo Horizonte é ruim", disse o torcedor da seleção e do Leeds United-ING.

Em frente ao grande teatro, eles se juntaram para formar uma grande festa para levar o time inglês ao grande sonho do título mundial. "Hoje vamos ganhar de 1 a 0, com gol de Rooney", completou David Sherrer, que é fã da equipe do Wolverhampton.

Italianos escassos

Alguns torcedores da Azzurra apareceram na capital para acompanhar a partida de estreia da esquadra. No entanto, alguns argentinos resolveram dar seu apoio para o time de Cesare Prandelli pelas ligações culturais e pela rivalidade com os ingleses.

Pai italiano e filho argentino, Domenico Catapano e Luciano Catapano, vieram para a Manaus para presenciar um dos maiores clássicos mundiais. De acordo com eles, A cidade é muito hospitaleira, com várias opções para quem visita. "Vivo em Buenos Aires há 60 anos (hoje tem 65) e é difícil ver o que eu vi aqui. O povo é muito alegre e acolhedor. E para o jogo, 2 a 0, com gols do "Super Mario" Balotelli", disse o patriarca. Já o primogênito, vir para o clássico é emocionante. "Hoje sou completamente italiano. Meu apoio está concentrado com eles", encerrou.