Grupo que foi de táxi para o Mineirão não encontrou problemas

Trio de estudantes saiu com antecedência e optou pela alternativa pela proximidade de casa

iG Minas Gerais | DANIEL OTTONI |

Ao lado da mãe e da namorada, Lucas e o amigo Pedro tiveram um trajeto de táxi para o Mineirão sem maiores incidentes
DANIEL OTTONI - WEBREPORTER
Ao lado da mãe e da namorada, Lucas e o amigo Pedro tiveram um trajeto de táxi para o Mineirão sem maiores incidentes

Ao lado da namorada Caroline Nobre e do amigo que veio do Rio de Janeiro Pedro Lima, o estudante Lucas Ragazzi preferiu ir para o Mineirão, acompanhar o jogo enter Colômbia e Grécia, de táxi. A proximidade de sua casa, no bairro Castelo, foi fundamental para a escolha. “A corrida não vai ficar cara e teremos mais segurança com essa opção. Lá perto não será fácil parar carro. Além disso, poderemos beber com tranquilidade”, comenta Ragazzi. O trio escolheu torcer pela Colômbia por já conhecer torcedores do país sul-americano.

A previsão dele se confirmou antes mesmo do táxi chegar próximo da Lagoa da Pampulha. As ruas no entorno não tinham locais de estacionamento. Quem foi de carro, por comodidade, como foi o caso dos pais de Lucas, teve que buscar uma alternativa parar deixar o carro seguro até o final do jogo.

Após chamar o táxi, demoraram apenas três minutos para que o veículo chegasse à residência do estudante. O trajeto durou 11 minutos e o trio desembolsou R$ 16,20. No percurso, nada de trânsito, muito em parte pelo horário antecipado que os amigos resolveram sair de casa, com três horas antes da bola rolar. O que se pôde ver, ainda, foram vários torcedores, das duas seleções e até de outros países, como México, indo a pé e fazendo sua festa sem imprevistos.

Quando o táxi chegou a uma quadra da Lagoa da Pampulha, os veículos não eram mais permitidos e os torcedores tiveram que seguir a pé.

Com o retorno planejado para também acontecer de táxi, eles seguiram sem imprevistos até um bar próximo. No entanto, um descuido de Pedro fez com que seu ingresso fosse furtado minutos depois. A falta de informação após buscar ajuda de cinco voluntário fez com que o momento de animação se transformasse em dúvida sobre a presença de Pedro no estádio.