Pai é contratado com a ajuda de um site feito pela filha

Profissional volta à sua especialidade

iG Minas Gerais | Thaís Pimentel |

Carolina ajudou Paulo a encontrar trabalho com o site que criou
DENILTON DIAS / O TEMPO
Carolina ajudou Paulo a encontrar trabalho com o site que criou

Há duas semanas, Paulo Furtado, 61, conseguiu um emprego. Graças a um site feito pela filha, a designer Carolina Furtado, 29, ele voltou a trabalhar como projetista em geologia. “Nós estamos muito felizes. Meu pai está superativo. Agradeço muito a torcida de todos. Bacana ver que a mídia pode falar e fazer coisas boas”, conta Carolina.

O www.meupainaomereceumemprego.com.br foi lançado no dia 20 de maio, com objetivo de dar um rumo na carreira profissional de Paulo, que estava desempregado pela primeira vez em 30 anos. Ele já havia trabalhado em construção civil, mineração, geologia e geotecnia. “Eu não aguentava mais ver o sofrimento dele. Um dia cheguei em casa e vi ele tão magrinho que decidi fazer alguma coisa”, relata.

“Eu achei lindo. Foi uma demonstração de amor mesmo”, se derrete Paulo, ao falar da iniciativa da filha única. “Ela andava muito preocupada, ainda mais quando o dinheiro que eu tinha guardado acabou”, conta o projetista, que ficou parado por quase dez meses.

A repercussão do site acabou atraindo muitas empresas. “Fiquei muito surpresa com a velocidade das respostas. As pessoas entraram em contato por e-mail, pelo formulário do site, por telefone. Milhares acessaram a página. Ficamos muito comovidos com tudo isso”, relata Carolina.

Muitas propostas apareceram, mas algumas sequer eram relacionadas às especializações de Paulo. De acordo com Carolina, depois de fazer contatos e ir a entrevistas, surgiu a oportunidade de voltar a ser projetista. “É o que ele gosta mesmo. Estudou para isso. Tem muita experiência. No final, valeu a pena”, disse.

A página www.meupainaomereceumemprego.com.br ainda está no ar. Carolina evitou divulgar que Paulo havia se recolocado no mercado, para poder mudar o site. “Ele até pediu para eu não falar antes. Ele queria se firmar no trabalho primeiro”, explica, já que o último trabalho que o projetista conseguiu durou apenas dois dias. Mas, agora, o espaço colocado na web terá outro objetivo.

“Só quero agradecer. Já estou pensando nas mudanças da página. Estamos muito felizes e gratos a todos. Que bom que deu certo”, se emociona Carolina, que escreveu na web: “Sou completamente apaixonada pela minha família e pelos meus amigos e uma pessoa convicta de que todos merecem uma chance pra mostrar o melhor de si”.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave