Queda do Barça não influi na seleção espanhola, diz Del Bosque

Barcelona e Fúria ditaram as regras do futebol durante um bom tempo, mas rendimento caiu desde 2013

iG Minas Gerais | THIAGO PRATA E FERNANDO ALMEIDA |

Vicente Del Bosque ainda não definiu equipe titular da seleção espanhola
Divulgação / Uefa
Vicente Del Bosque ainda não definiu equipe titular da seleção espanhola

Salvador (BA). Num passado não tão distante, o Barcelona ditava as regras do futebol mundial, graças a um estilo voltado para a posse de bola. E como o time catalão tinha muitos atletas na seleção espanhola, esta forma de atuar foi também a fórmula do sucesso da Fúria na última Copa do Mundo.

Quatro anos depois, o Barça teve uma queda de rendimento. Curiosamente, a Fúria também, ao perder a Copa das Confederações de 2013 para o Brasil. Mas nada disso tira a confiança do técnico espanhol Vicente Del Bosque, que tem vários motivos para acreditar que sua equipe possa voltar a reinar no planeta bola.

“Eu não acredito que as coisas são paralelas. A seleção é uma coisa à parte. E nós tivemos dois finalistas neste ano. Não há nenhuma relação direta na má temporada do Barcelona e a Espanha”, disse Vicente.

O comandante da seleção espanhola aproveita a deixa para destacar o comprometimento e a gana de uma família que foi criada com o decorrer dos anos e que se torna mais forte a cada dia.

“Estamos 21 dias concentrados e praticamente seis dias aqui no Brasil. Tudo tem ido muito bem. Temos uma convivência muito boa. Espero que tenhamos o necessário para defender o titulo”, ressaltou.

Leia tudo sobre: Copa do Mundo