Sem medo do futuro, Del Bosque vê ligação entre gerações espanholas

Com craques 'envelhecidos', treinador da Fúria lembra das conquistas da Euro sub-21 em 2011 e 2013

iG Minas Gerais | FERNANDO ALMEIDA |

Salvador (BA). A seleção da Espanha tem como principais craques jogadores com maior experiência - como Xavi de 34 anos e Iniesta de 30 - e que, com isto, tendem a sofrer mais com a questão física em uma competição tão acirrada como a Copa do Mundo. Apesar desta realidade, o técnico Vicente Del Bosque é otimista e ressalta a importância da base formada pelo futebol de seu país.

Para o comandante espanhol, a mescla entre a ‘velha’ geração e a nova já começa a acontecer de uma maneira natural e tende a levar a Fúria novamente ao topo.

“Temos uma seleção sub-21 que foi campeã da Europa recentemente. Eu não tenho medo do futuro. Existe uma ligação entre uma geração e outra que nos garante este bom jogo por mais tempo”, afirmou Del Bosque em entrevista coletiva nesta quinta-feira antes do treino na Arena Fonte Nova, em Salvador.

O técnico da Espanha relembra as conquistas da Euro sub-21 em 2011 e 2013 que contou com nomes importantes e em crescimento da seleção atual como o goleiro reserva David De Gea, o meia Koke e o atacante Juan Mata, este camisa 10 da seleção sub-21 campeã em 2011.