Confins ainda tem obras e greve de funcionários

Porta de entrada de turistas em BH, aeroporto está com estruturas inacabadas e operários estão sem trabalhar desde quarta-feira passada

iG Minas Gerais | THIAGO PRATA E FERNANDO ALMEIDA |

Funcionários
Tiago Prata/Webrepórter
Funcionários "cruzam os braços" e esperam negociação com a Infraero

A equipe de reportagem de O Tempo está na manhã desta quinta-feira em Confins, de onde embarca para Salvador para a cobertura de jogos na primeira fase da Copa do Mundo na Boa Terra. E já é perceptível que o aeroporto internacional ainda não está preparado para o Mundial.

Muitas reformas estruturais ainda estão planejadas ao longo de todo o aeroporto. Um dos motivos é a paralisação de parte das obras.

Cento e oitenta operários estão sem trabalhar desde a quarta-feira passada. Eles aguardam uma resposta da Infraero, que não deseja obras dentro do aeroporto. Uma das escadas rolantes não funciona.

Além disso, há poucas pessoas passando informações básicas dos voos da companhia aérea.

Leia tudo sobre: confinsgrevefuncionáriosaeroportobelo horizontecopa do mundoinfraeroobras