Angelina Jolie lidera cúpula mundial sobre violência sexual em conflitos

Encontro organizado pela atriz tem presença de cem países

iG Minas Gerais |

Angelina Jolie é uma ativista da causa e está a frente da reunião
Carl Court
Angelina Jolie é uma ativista da causa e está a frente da reunião

Londres, Reino Unido. Angelina Jolie e o secretário britânico de Relações Exteriores, William Hague, começaram ontem uma cúpula de quatro dias sobre violência sexual nos conflitos armados, que contará com a presença de ministros de mais de cem países. Na abertura do evento, eles prometeram ações práticas para punir responsáveis e ajudar vítimas.

Cerca de 1.200 ministros governamentais, militares, autoridades judiciais e ativistas de aproximadamente 150 países vão participar da reunião. “Tem sido um longo caminho até aqui”, disse a ganhadora do Oscar. Hague disse que o encontro, que terá a participação do secretário de Estado norte-americano, John Kerry, pressionará por padrões internacionais no registro e investigação de crimes como o estupro.

Hoje, espera-se que a reunião chegue a um acordo sobre o primeiro protocolo internacional para documentar e investigar violência sexual em conflitos. Amanhã haverá uma reunião ministerial sobre a segurança na Nigéria e as 200 garotas raptadas pelo Boko Haram.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave