Após assaltar mansão, menor exibe carro abandonado à amigo e é detido

Menor levou amigo para "ostentar" veículo de luxo roubado em mansão na Pampulha e acabou preso pela Polícia Militar

iG Minas Gerais | JOSÉ VÍTOR CAMILO |

Querendo "ostentar" o veículo de luxo que havia sido roubado na manhã desta terça-feira (10), no bairro Enseada das Garças, na região da Pampulha, um rapaz de 17 anos resolveu levar um amigo até o local onde abandonou o veículo, em Sabará, na região metropolitana de Belo Horizonte. O que ele não contava era que, ao mesmo tempo, o dono do carro havia rastreado o local e acabaria o reconhecendo, acionando a Polícia Militar (PM) que deteve o suspeito e recuperou os materiais levados. 

Segundo o tenente Jerry Adriani Martins, do 4º Pelotão da 15ª Companhia Independente da PM, o adolescente invadiu uma mansão durante a manhã e fez duas crianças de seis anos, a mãe delas e três funcionários da casa reféns. "Após trancar as vítimas em um quarto, o adolescente colocou três televisões, um notebook, celulares e vários outros objetos da casa dentro da Toyota RAV 4 da família e fugiu", detalhou o militar.

Passado o susto, o dono da residência assaltada utilizou o serviço de rastreador veicular para encontrar a localização exata do veículo roubado, na rua Clóris, no bairro Ana Lúcia, em Sabará. Quando chegou ao local, a vítima avistou o menor em um outro veículo, o reconheceu como autor do crime e acionou a polícia. 

"Fizemos o cerco bloqueio e conseguimos encontrar o menor na companhia de Douglas Soares Barbosa, de 27 anos, em uma Fiat Strada roubada em São Paulo, que estava com a placa clonada. O menor assumiu o crime e contou que havia voltado ao local onde abandonou o carro somente para 'ostentar' para o amigo", contou o tenente Martins. Na casa do adolescente, no bairro Alto Vera Cruz, na região Leste de BH, os militares acabaram encontrando os materiais roubados na mansão e 17 pinos de cocaína.

O menor assumiu a autoria do crime e negou que o colega tivesse participado. "Mas este Douglas responde por um homicídio ocorrido anos atrás. Ele foi condenado a 1 ano de regime fechado e, agora, cumpria 1 ano de regime semi-aberto. Venceria agora em setembro e agora provavelmente voltará para a prisão", disse o policial. 

Leia tudo sobre: ASSALTOMANSÃOPAMPULHAOSTENTARMOSTRAR CARROSABARÁENSEADA DAS GARÇAS