Ramires diz que aprendeu a lição em 2010

Volante cumpria suspensão no jogo em que o Brasil foi eliminado pela Holanda nas quartas de final e declarou que evitará cartões nesta Copa

iG Minas Gerais | Folha Press |

Volante Ramires não vai começar a Copa como titular
Gaspar Nóbrega/VIPCOMM
Volante Ramires não vai começar a Copa como titular

Fora da partida que eliminou a seleção na última Copa para cumprir suspensão, o volante Ramires disse que aprendeu a lição e vai evitar os cartões neste Mundial. Reserva de Paulinho, o jogador do Chelsea contou nesta terça (10) que não repetirá o erro da Copa da África do Sul. Em 2010, ele recebeu o segundo cartão amarelo contra o Chile e ficou de fora da derrota contra a Holanda, por 2 a 1, em Port Elizabeth. A derrota eliminou o time comandado por Dunga.

"Senti bastante naquela vez. Futebol é isso, dá voltas. Para essa Copa, tiro de lição que aquela falta no meio-campo me tirou do jogo. Para essa, não farei. Não quero ficar fora de nenhum jogo", disse

Ramires, que foi titular na goelada contra o Panamá, por 4 a 0, na semana passada, em Goiânia. Ele jogou no lugar de Paulinho, que foi poupado pela comissão técnica. Ramires foi o segundo maior roubador de bola da Liga dos Campeões.

"Na função que tenho de desempenhar no clube, foi importante ter bons números. Fico muito orgulhoso de ter esse desempenho, ser o segundo maior roubador de bolas. Mas, na seleção, será outro trabalho. Vou procurar fazer o melhor para que possa repetir os bons números aqui", afirmou o jogador.

Leia tudo sobre: Ramiresvolanteseleção brasileiracopa do mundo