Idoso é morto por amigo após dizer que a mulher dele era 'toda boa'

Vítima convidou casal para um festa em sua casa, localizada em Bom Despacho; ao tentar separar a briga, dona de casa também foi agredida

iG Minas Gerais | CAROLINA CAETANO |

A Polícia Militar de Bom Despacho, no Centro-Oeste do Estado, está à procura de um homem de 28 anos que assassinou o próprio amigo durante uma festa no último sábado (7). O agressor se irritou ao ouvir da vítima que sua mulher era “toda boa”.

De acordo com o boletim de ocorrência da Polícia Militar, a dona de casa contou que Adão Campos Teodoro, de 67 anos, ligou para a sua casa convidando o casal para uma confraternização. Chegando ao local do evento, na rua Afrodite, no bairro Dom Joaquim, Cristiano Antônio da Silva ficou irritado ao ouvir o elogio à sua mulher.

O suspeito foi até a cozinha, pegou uma faca e atingiu o idoso cinco vezes na região do tórax, no braço e mão esquerda. A companheira de Silva ainda tentou intervir na briga, mas foi golpeada na perna e na mão. A testemunha foi encaminhada ao Pronto Atendimento Municipal e não corre risco de morte.

Após o crime, o agressor fugiu e não foi mais visto. Os filhos do casal foram encaminhados ao Conselho Tutelar. Ainda de acordo com a corporação, no local foi encontrada uma capa de CD com resquícios de cocaína.

A investigação do caso está a cargo da Polícia Civil. 

Leia tudo sobre: BRIGAAMIGOSBOM DESPACHO