Menina é estuprada durante sessão de cinema na casa do vizinho

Dono da casa, que foi preso, é suspeito do crime; segundo médica de Presidente Olegário, não houve conjunção carnal

iG Minas Gerais | CAROLINA CAETANO |

Um homem de 41 anos foi preso suspeito de estuprar a vizinha de 12 anos, nesse domingo (8), em Presidente Olegário, no Triângulo Mineiro. Para atrair a menina até a sua casa, ele a convidou para uma sessão de cinema.

Segundo o boletim de ocorrência da Polícia Militar, a corporação foi acionada por uma médica do Pronto-Socorro da cidade. A profissional contou aos militares que a menor deu entrada na instituição com suspeita de abuso sexual.

Após exames, a plantonista informou que não houve conjunção carnal. Durante conversa com aos familiares e policiais, a estudante contou que foi convidada por J.R.B para ir até a sua casa, localizada no bairro Andorinhas, para assistir a um filme.

A adolescente chegou no imóvel, deitou em um sofá e o suspeito ficou em outro. Durante a sessão, o homem começou a acariciar um dos pés da vítima. Em seguida, ainda na versão dela, ele ainda tentou tirar sua roupa íntima. Já em pé, o suspeito ficou totalmente nu na frente da menina, que conseguiu escapar e avisar à família.

J.R.B foi preso em caso, mas negou o crime. Ele foi encaminhado à delegacia da cidade e ficou à disposição da Justiça. O Conselho Tutelar de Presidente Olegário acompanhada o caso. 

Leia tudo sobre: estuprovulnerávelvizinhofilme