Festival leva artistas aos quarteirões da Savassi

iG Minas Gerais | Carlos Andrei Siquara |

Durante o período da Copa, quem quiser, além de acompanhar as transmissões dos jogos em telões instalados em dois quarteirões da praça da Savassi, vai encontrar também nesses espaços uma programação cultural gratuita que conta com uma oferta de shows de artistas nacionais, da cena mineira, espetáculos de dança, intervenções circenses e feira de artesanato.  

Batizado Festival Savassi Cultural, que terá sua primeira edição realizada entre os dias 12 deste mês e 13 julho, o evento acompanha o calendário das partidas em que a seleção brasileira entra em campo e daquelas que serão sediadas aqui. A estreia do projeto acontecerá, portanto, na disputa entre Brasil e Croácia, na próxima quinta-feira.

Está escalado para este primeiro momento o músico Milton Guedes. Na sequência, subirá ao palco, nas datas posteriores, Ed Motta (17), Claudio Zoli (21) e Cidade Negra (23), entre outros.

Enquanto esses tocam na Arena Brasil, a ser montada na rua Antônio de Albuquerque, nomes como Nivaldo Ornelas e grupos a exemplo de Zimun, Vitrola Acústica e Dingoma ocupam a Arena Minas Gerais, que vai ser construída na rua Pernambuco. De acordo com Christiano Rocco, um dos organizadores do festival, a ideia é aproveitar o fluxo de pessoas dessa época para consolidar a vocação da Savassi como um lugar onde as pessoas podem fruir diferentes tipos de arte, além da gastronomia.

“A intenção é mostrar como a região sempre foi e cada vez mais é um local em que as pessoas podem ouvir boa música, frequentar restaurantes, bares, e agora, em razão da copa, também curtir os jogos que iremos transmitir”, explica Christiano Rocco.

A Cia de Dança Rui Moreira e a Quik Cia de Dança são outras atrações confirmadas que se apresentarão no Espaço Dança & Movimento, que junto com os outros, começa a ficar pronto a partir deste domingo, na rua Pernambuco. “Embora a gente tenha 12 encontros que serão especiais, a ideia é manter atividades acontecendo ao longo de todo o mês. Por isso, preparamos um roteiro com diferentes espetáculos, além da Feira de Economia Solidária, que vai reunir diversos artesãos, e das exposições a serem inauguradas nesses espaços da praça”, acrescenta Rocco.

Ingresso. O acesso às atrações vai acontecer por meio da troca de 2kg de alimento por ingresso, no Ateliê Lounge Arte e Entretenimento. Será necessário esse procedimento apenas durante os shows, que poderão receber até 2.500 pessoas. “Esperamos com isso não só oferecer uma programação de qualidade, que poderá mostrar às pessoas daqui e de outros lugares do mundo a nossa cultura, mas também provocar o público a renovar os laços com essa região. A ideia é, inclusive, fazer com que a iniciativa entre no calendário anual de eventos da cidade”, conclui o organizador.

Saiba mais

Paralelamente à programação de shows (veja abaixo), vão acontecer, de 12 de junho a 13 de julho, três mostras nos espaços montados na praça da Savassi.

Uma delasé “Acervo Fernando Sabino” com fotos, telas e esculturas que narram a vida do autor. Outra apresenta trabalhos da artista Marina Carneiro, como pinturas e desenhos. A terceira expõe trabalhos, como mandalas e móveis, promovida pela Asmare.

 

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave