Colômbia desembarca com mais um corte na "bagagem"

Volante Aldo Leão Ramírez, de 33 anos, é mais um fora do torneio

iG Minas Gerais | Folhapress |

Falcao García estaria clinicamente recuperado, mas fora de ritmo de jogo para a Copa
PÁGINA OFICIAL/FACEBOOK/REPRODUÇÃO
Falcao García estaria clinicamente recuperado, mas fora de ritmo de jogo para a Copa

SÃO PAULO, SP - A seleção da Colômbia chegou a São Paulo na madrugada deste sábado (7), após ter derrotado a Jordânia, por 3 a 0, na sexta (6), em Buenos Aires. Mas o ânimo da delegação não era dos melhores.

O volante Aldo Leão Ramírez, 33, foi cortado da delegação com uma lesão no joelho direito. O jogador do mexicano Morelia lamentou a contusão a cinco dias da abertura da Copa. "É uma tristeza muito grande, mas o apoio de cada um tem me dado força. Obrigado a todos", escreveu Aldo Ramírez em sua conta no Twitter.

O técnico argentino José Pékerman deve anunciar o substituto entre este sábado e domingo (8). Entre as opções estão o volante Elkin Soto, do Mainz, o meia Macnelly Torres, do Al-Shabab, e o atacante Luis Fernando Muriel, da Udinese, que estavam na lista dos pré-convocados.

A Colômbia, que retornou ao Mundial após 16 anos e três torneios, já teve outras três baixas importantes para a Copa do Mundo por causa de lesão. O atacante Falcao García, do Monaco, referência da geração atual, não se recuperou de uma contusão nos ligamentos do joelho esquerdo. O volante Edwin Valencia, do Fluminense, e o zagueiro Luis Amaranto Perea, do Cruz Azul, também foram descartados por lesão.

A Colômbia está no Grupo C, com Grécia, Japão e Costa do Marfim. A equipe "cafeteira", como é conhecida na América do Sul, estreará dia 14, em Belo Horizonte, contra a Grécia. 

A seleção ficará hospedada no centro de treinamento de Cotia, que pertence ao São Paulo, e deve treinar pela primeira vez na segunda-feira (9), no período da tarde. 

 

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave