BHTrans recua e libera táxis

iG Minas Gerais | Bárbara Ferreira |

A Empresa de Transportes e Trânsito de Belo Horizonte (BHTrans) recuou ontem sobre a proibição de embarque e desembarque de táxis na avenida Pedro II, na capital. Na última quinta-feira, a empresa havia afirmado que taxistas e passageiros teriam que usar as ruas transversais, isso porque a faixa exclusiva para ônibus, inaugurada hoje, inviabilizaria as operações. Ontem, no entanto, a BHTrans informou que os veículos poderão acessar garagens, embarcar e desembarcar passageiros, nos trechos com linha tracejada.  

Os veículos que desrespeitarem a faixa exclusiva podem ser multados em R$ 53,20 e vão receber três pontos na carteira. A BHTrans informou que irá instalar três radares de avanço de faixa na avenida, mas não divulgou os locais. Enquanto eles não são instalados, a fiscalização será feita pela Guarda Municipal e pela Polícia Militar.

Além da faixa, a avenida passou por outras mudanças, como o fechamento de ruas e a extinção de vagas de estacionamento – 520 vagas de rotativo foram criadas em vias transversais.

De acordo com informações da BHTrans, a ideia é melhorar o fluxo e criar condições para receber uma linha do Move (nome dado ao BRT). Para a maioria dos comerciantes, no entanto, as mudanças no trânsito local trarão prejuízos, principalmente pelo fim das vagas e pela dificuldade de acessar as lojas. 

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave