‘Vamos acabar com metade dos ministérios’

iG Minas Gerais |

Aécio prometeu “refundar a Federação” e distribuir recursos
George Gianni/PSDB - divulgação
Aécio prometeu “refundar a Federação” e distribuir recursos

Campo Grande. O presidente nacional do PSDB e pré-candidato à Presidência da República, senador Aécio Neves (MG), afirmou ontem que, se for eleito, pretende cortar metade dos atuais 39 ministérios do país. Em evento partidário em Campo Grande, o presidenciável tucano ainda criticou o desempenho das pastas no governo Dilma Rousseff.  

“Nós vamos acabar com metade desses ministérios que estão aí. É um acinte, é uma vergonha um país como o Brasil ser administrado com 39 ministérios que não apresentam serviços”, declarou.

Citando o Mato Grosso do Sul como destaque no agronegócio, o senador criticou a atual situação econômica do país e propôs uma revisão nos custos tributários que incidem sobre a classe produtiva.

“Há pessimismo com nossos indicadores econômicos. Não fosse o agronegócio, teríamos crescimento negativo. É o agronegócio que tem segurado o crescimento da economia”, afirmou.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave