Preço do estacionamento rotativo na capital sobe a partir de segunda

A justificativa da BHTrans é que houve variação dos custos operacionais do serviço em um período de um ano, como a confecção dos talões e a distribuição deles

iG Minas Gerais | JULIANA BAETA |

Alex de Jesus
undefined

Como a maioria dos serviços que competem ao transporte e mobilidade urbana na capital, a BHTrans informou que a partir da próxima segunda-feira (6), o estacionamento rotativo também irá aumentar. O talão com o novo preço já estará valendo a partir desta data, mas as folhas que continuam com o valor antigo, ainda valerão por tempo indeterminado.

De R$ 31,00, o talão com 10 folhas passará a custar R$ 34,00, e a folha individual passa de R$ 3,10 para R$ 3,40. A justificativa da empresa é que o reajuste foi calculado em cima da variação dos principais custos operacionais do serviço, como a confecção, distribuição e sinalização dos talões) desde o último reajuste de preço do rotativo, ocorrido em abril do ano passado.

O sistema de estacionamento rotativo de Belo Horizonte conta com 21.231 vagas físicas que, considerando o tempo de permanência máximo (1h, 2h ou 5h), se transformam em 98.532 vagas diárias de estacionamento em 813 quarteirões da capital. A folha do rotativo é válida para utilização em todos os locais com tempos de permanência regulamentados e pode ser adquirida em 600 postos de venda credenciados da Capital.

Os novos valores do rotativo serão publicados no Diário Oficial do Município (DOM) neste sábado (7). 

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave