Marina vem a BH apoiar Apolo

iG Minas Gerais | Lucas Pavanelli |

Esperança. Apolo Heringer se agarra no apoio de Marina Silva para conseguir emplacar candidatura
Franklin Moreira / Divulgação - 22.2.
Esperança. Apolo Heringer se agarra no apoio de Marina Silva para conseguir emplacar candidatura

Pré-candidata a vice na chapa de Eduardo Campos (PSB), a ex-senadora Marina Silva vem a Belo Horizonte na próxima segunda-feira para tentar emplacar o nome do ambientalista Apolo Heringer (PSB) como candidato do partido ao governo de Minas. Marina se reúne com militantes da Rede Sustentabilidade na parte da manhã, ainda sem local confirmado.  

A legenda, que não existe oficialmente e está abrigada dentro do PSB não conseguiu emplacar candidatos e há um racha em grandes colégios eleitorais, como Minas e São Paulo.

A missão de Marina, em Minas, não é fácil. Aliados de longa data do PSDB, os socialistas ainda se dividem entre o apoio ao pré-candidato tucano, Pimenta da Veiga, e o lançamento de uma candidatura própria.

“A tese da candidatura própria ainda não é vitoriosa. O Júlio não registrou isso na Executiva estadual. Ele está ganhando tempo e continua ligado na tese de apoiar a candidatura de Pimenta da Veiga”, afirma Apolo.

A hipótese de uma aliança entre as duas legendas voltou a ganhar força depois que o pré-candidato à Presidência Aécio Neves (PSDB) declarou que vai apoiar o candidato do PSB ao governo de Pernambuco, Paulo Câmara. Esta poderia ter sido a senha para garantir a recíproca em Minas.

Pesa em favor das alianças em Minas e em Pernambuco as coligações para eleição de deputados federais. O PSB mineiro tem apenas dois e o PSDB pernambucano, um representante na Câmara. A avaliação dos partidos é que, sem a aliança, as bancadas poderiam encolher ainda mais. 

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave