O vencedor

iG Minas Gerais | Victor Martins |

Apenas quatro jogadores na história do futebol mundial conquistaram a Copa do Mundo, a Champions League e a Copa Libertadores. Um desses quatro é mineiro, de Santa Rita do Sapucaí, que fica no Sul do Estado. José Vítor Roque Júnior, ou apenas Roque Júnior, começou a carreira no pequeno Santarritense e conseguiu conquistar o mundo.

Aos 18 anos, ele deixou o futebol mineiro e foi para o São José-SP. Até chegar ao Palmeiras, foi uma questão de tempo. E foi com a camisa alviverde que Roque Júnior ganhou destaque e chegou até a seleção brasileira. Além dos títulos conquistados com a equipe paulista, o zagueiro ainda teve a sorte de trabalhar com Luiz Felipe Scolari do Parque Antárctica.

Depois de vencerem a Libertadores de 1999, Roque Júnior e Felipão foram ao Japão para conquistar o Mundo, mas falharam. O Palmeiras perdeu para o Manchester United, por 1 a 0, no Mundial Interclubes. Mas, para a sorte de ambos, eles estavam de volta ao Japão, três anos mais tarde, em mais uma tentativa de conquistar o Mundo, dessa vez com a seleção.

Para a felicidade dos brasileiros, Roque Júnior e Felipão não perderam a oportunidade. O zagueiro era da confiança do treinador, desde a época do Palmeiras, e foi titular nas sete partidas que o Brasil disputou na Copa de 2002, realizada na Coreia do Sul e no Japão. Aliás, Roque Júnior atuou todos os minutos daquela histórica campanha, pois não foi substituído nenhuma vez. Com sete vitórias em sete jogos, assim Roque Júnior entrou para outro seleto grupo, dos mineiros que venceram a Copa do Mundo.

Parte de um grupo seleto Apenas um ano depois de vencer a Copa do Mundo com a seleção brasileira, Roque Júnior estava em outra decisão, dessa vez pela Champions League. Milan e Juventus fizeram a final italiana em Manchester, na Inglaterra. O Milan venceu nos pênaltis, por 3 a 2, depois de empate em 0 a 0. Roque Júnior entrou aos 21 minutos do segundo tempo. O título do Milan fez com que Dida e Roque Júnior se tornassem os primeiros jogadores campeões na Champions League, na Copa do Mundo e na Libertadores. Depois, mais dois vencedores entraram nesse seleto grupo. Cafu venceu a Champions em 2007, e Ronaldinho Gaúcho ganhou a Libertadores em 2013.

Lanterna. Clube que revelou Roque Júnior, o Santarritense disputa a Segunda Divisão do Campeonato Mineiro, equivalente à Série C. Em 2013 o clube perdeu todas as oito partidas da primeira fase e foi eliminado.

Campeão Além do Mundial, Roque Júnior ganhou a Copa das Confederações em 2005. Ele foi o capitão nas duas primeiras partidas, mas depois perdeu a braçadeira para Ronaldinho.

Dirigente Aposentado, Roque Júnior se tornou dirigente. Depois de criar o próprio clube, o Primeira Camisa, ele estava no Paraná, mas já deixou o cargo de diretor, por conta da campanha irregular do clube na Série B.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave