Governador anuncia licitação de parque de exposições na Gameleira

Expectativa é que o projeto irá atrair cerca de R$ 400 milhões em investimentos; Estão previstas a construção de um centro de convenções integrado ao Expominas e um novo parque

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

O governador Alberto Pinto Coelho anunciou, durante a solenidade de abertura oficial da 54ª Exposição Estadual Agropecuária, nesta quinta-feira (5), no Parque de Exposições Bolivar de Andrade (Parque da Gameleira), que em breve será lançado o edital para construção de um novo parque de exposições na Gameleira, dentro do modelo de Parceria Público e Privada (PPP). O projeto visa a revitalização de um dos mais importantes espaços do agronegócio mineiro.

“Estaremos, nos próximos dias, lançando o edital, que já desperta por parte da iniciativa privada o interesse manifesto de alguns grandes grupos, que para cá virão, certamente, para desenvolver esse projeto”, disse Alberto Pinto Coelho.

Segundo o governador, a expectativa é que o projeto irá atrair cerca de R$ 400 milhões em investimentos. Estão previstas a construção de um centro de convenções integrado ao Expominas e de um novo Parque de Exposições, remodelado e funcionalmente adequado. 

Concurso do Queijo Artesanal

Durante a solenidade Alberto Pinto Coelho entregou o prêmio de primeiro lugar do 7º Concurso Estadual do Queijo Minas Artesanal, um dos destaques da Exposição Agropecuária. O vencedor foi o produtor José Baltazar da Silva, do município de Serra do Salitre, no Alto Paranaíba. O segundo colocado foi Wellington Carlos Viana, de Cruzeiro da Fortaleza, que recebeu o prémio das mãos do secretário de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento, André Merlo.

O secretário de Agricultura parabenizou o Instituto Mineiro de Agropecuária (IMA), responsável pela gestão do parque de exposições, pela realização do evento, que foi aberto ao público na terça-feira passada e termina no próximo domingo (8), com entrada franca. André Merlo destacou que, apenas no ano passado, o Governo de Minas investiu cerca de R$ 10 milhões para a requalificação de 100 parques de exposição no Estado.

“As feiras agropecuárias são uma tradição em Minas Gerais e contribuem para o desenvolvimento do agronegócio, ao trazer a público o que há de melhor em termos de plantel, desenvolvimento de pesquisa e produtividade”, disse.

A Exposição Estadual Agropecuária tem mais de cinco décadas de história. É um dos mais tradicionais eventos da pecuária nacional. Neste ano, está reunindo cerca de 1.500 animais de 11 raças entre bovinos de corte e leite e equídeos de propriedade de criadores de Minas e de outros Estados.

Âncora do crescimento

O presidente da Federação da Agricultura, Pecuária e Abastecimento do Estado de Minas Gerais (Faemg), Roberto Simões, lembrou da importância do setor para a economia brasileiro. “A Agropecuária continua cumprindo seu papel de alavanca da economia, com um crescimento do PIB de 3,6% no trimestre passado, puxando o resultado de 0,2% de alta do PIB nacional, enquanto outros setores registram uma retração em suas atividades”, disse.

Também participaram da solenidade o secretário de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, Alceu Torres, o secretário de Estado de Desenvolvimento e Integração do Norte e Nordeste, Raimundo Benoni Franco, o diretor-geral do IMA, Altino Rodrigues Neto, o presidente da Emater, José Ricardo Ramos, e o presidente da Epamig, Marcelo Lana, entre outros.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave