Em menos de três horas, duas pessoas são assassinadas em Betim

No primeiro caso, homem foi morto no depósito de uma panificadora; outra vítima foi executada enquanto conversava com uma ex-namorada

iG Minas Gerais | CAROLINA CAETANO |

O fim da noite dessa quarta-feira (4) foi marcado pela violência em Betim, na região metropolitana de Belo Horizonte, com dois assassinatos em menos de três horas. Nos dois homicídios, ninguém foi preso.

De acordo com o boletim de ocorrência da Polícia Militar, o primeiro crime aconteceu no cruzamento das ruas Louzada e Sagres, no bairro São João. Mário Lúcio de Souza, de 31 anos, foi executado com sete disparos dentro de um depósito de uma panificadora.

A vítima chegou ao local dizendo que estava sendo perseguida por dois homens em uma motocicleta. Em seguida, os atiradores chegaram e começaram a atirar. Populares disseram aos militares do 33º Batalhão que a vítima tinha envolvimento com drogas.

Já no bairro Duque de Caxias, Maurício da Silva, de 19, foi baleado três vezes enquanto conversava com uma ex-namorada na rua Beirute. O jovem ainda tentou correr, mas foi alcançado. Autoria e motivação do homicídio são desconhecidas.

Os dois corpos foram encaminhados ao Instituto Médico Legal (IML) de Betim.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave