Argentina perde muitos gols, mas bate Trinidad & Tobago

Com vários gols perdidos seleção dos hermanos fez para o gasto e bateu o fraco adversário na tarde desta quarta-feira

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

undefined

A Argentina criou diversas chances, mas só conseguiu gols chorados para vencer a fraca seleção de Trinidad & Tobago, por 3 a 0 nesta quarta-feira, no primeiro teste da seleção do técnico Alejandro Sabella para a Copa do Mundo. Messi jogou muito bem, mas passou em branco.

Só no primeiro tempo foram pelo menos cinco chances claras de gol criadas pelos argentinos. Com Di Maria pela esquerda, Lavezzi pela direita, Messi centralizado e Palácio como centroavante, no lugar que deverá ser de Higuaín na Copa, a Argentina rodava fácil a bola no ataque.

Num dos gols perdidos, três argentinos ficaram cara a cara com o goleiro Jan Williams. Lavezzi demorou para rolar, Messi também não foi com gana para a bola, e deu tempo de um zagueiro desarmar. Na cobrança de escanteio, Palácio cabeceou, o goleiro vacilou, não agarrou, e levou um frango.

O gol nos acréscimos diminuiu a pressão que a torcida já fazia sobre o time no Monumental de Nuñez. Logo no começo do segundo tempo veio o segundo. Messi bateu falta na trave e a bola voltou para Mascherano, que esticou o pé, deixou a bola bater nele, e fez.

O ritmo caiu quando Sabella começou a fazer substituições e a Argentina só fez o terceiro aos 19, também com um pouco de sorte Palacio foi lançado, driblou o goleiro, mas adiantou demais a bola. O centroavante deu um carrinho, parou a bola em cima da linha de fundo, e rolou para Maxi Rodríguez fazer o terceiro.

A Argentina ainda faz mais um jogo antes de viajar a Belo Horizonte: pega a Eslovênia, sábado, em La Plata. A estreia da equipe na Copa é no domingo seguinte, contra a Bósnia-Herzegovina.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave