Fernandinho se espelha em Kléberson para ser titular da seleção

Volante do Manchester City quer repetir histórico de meia que foi a grande 'surpresa' do pentacampeonato

iG Minas Gerais | JOSIAS PEREIRA E THIAGO NOGUEIRA |

Fernandinho quer ser a surpresa da seleção brasileira em 2014
DOUGLAS MAGNO/O TEMPO
Fernandinho quer ser a surpresa da seleção brasileira em 2014

Teresópolis (RJ). Na luta por uma vaga entre os 11 de Luiz Felipe Scolari na Copa do Mundo deste ano, o volante Fernandinho quer trilhar os passos de Kléberson, jogador que em 2002 foi a grande surpresa na seleção que conquistou o pentacampeonato na Copa da Coreia do sul e Japão. A trajetória dos atletas é parecida. Ambos foram descobertos por Ticão, ex-olheiro do Atlético-PR, Cruzeiro e PTSC (de Londrina) e que faleceu em janeiro do ano passado.

"O Kléberson foi o que mais me inspirou no início de carreira. Tive uma história parecida no Atlético-PR. Meu objetivo é conquistar tudo o que ele conquistou. O Ticão foi uma pessoa especial, cresci sendo orientado por ele, sempre pedia a opinião dele, infelizmente faleceu. Mas, com certeza, ele seria uma das pessoas que teria mais orgulho em ver onde estou agora", declarou Fernandinho, em entrevista coletiva na Granja Comary.

Relembre a trajetória. Na Copa do Mundo de 2002, Kléberson iniciou três partidas como titular. Os compromissos foram, simplesmente, os mais importantes da seleção: as quartas de final, contra a Inglaterra, a semifinal, contra a Turquia, e a grande decisão contra a Alemanha. Apesar do certo temor quanto ao seu aproveitamento, o jogador tinha total confiança de Felipão e correspondeu às expectativas.

Com o título mundial no currículo, o jogador ficou valorizado, tanto que em 2003, trocou o Atlético-PR pelo Manchester United. No futebol inglês, ele acabou decepcionando. Kléberson ainda defendeu as cores do Besiktas-TUR e Flamengo. Atualmente, o volante de 34 anos defende uma equipe da segunda divisão dos Estados Unidos.