Em reta final de recuperação, Marcos Rocha quer volta em grande estilo

Lateral-direito do Galo está quase livre de um estiramento no músculo posterior da coxa

iG Minas Gerais | THIAGO PRATA |

Lateral alvinegro está próximo de retornar aos gramados
BRUNO CANTINI/ATLÉTICO
Lateral alvinegro está próximo de retornar aos gramados

Os jogadores do Atlético seguem curtindo o período de 'mini ferias', antes da reapresentação do time no dia 11 de junho. Outros, continuam apurando a forma física. É o caso do lateral-direito Marcos Rocha, que está quase livre de um estiramento no músculo posterior da coxa, que o deixou fora de combate por quase dois meses.

A última participação do lateral-direito foi no dia 10 de abril, na vitória do Galo sobre o Zamora, por 1 a 0, ainda pela fase de grupos da Copa Libertadores. Ausente da decisão do Mineiro, das oitavas de final do torneio sul-americano e das nove primeiras rodadas do Brasileirão, ele mal vê a hora de voltar a defender as cores do clube.

“A minha lesão foi um pouco mais séria. Já são mais de 50 dias longe dos gramados, que me impediram de jogar estes primeiros jogos do Brasileirão. Me dediquei ao máximo na fisioterapia para que eu pudesse recuperar logo e voltar a campo 100%. Quero ajudar meus companheiros e o Atlético depois da Copa do Mundo”, destacou Marcos Rocha.

O lateral lamenta a perda de tantos jogadores por lesão e também aqueles que acabaram deixando o Atlético. No entanto, está confiante de que o time irá evoluir no decorrer da temporada com a recuperação de vários atletas s e a chegada de reforços.

“Mesmo com os vários problemas de lesão no grupo, além dos atletas convocados para a seleção e a saída do Nico (Otamendi), o Atlético está começando a jogar de acordo com a filosofia do Levir (Culpi). Com esta pausa da Copa, vários jogadores serão liberados do DM e o time vai crescer ainda mais, com o dia a dia dos treinamentos e o tempo para o Levir trabalhar”, opinou.

Marcos Rocha embarca com o elenco alvinegro para a China no dia 16 de junho. No país asiático, o Galo fará três amistosos. No dia 30, a delegação retorna ao Brasil. “A expectativa é que a partir de julho a gente já esteja mais forte e competitivo, pois o objetivo no Brasileirão é o título”, salientou o camisa 2.

Leia tudo sobre: atleticogalomarcos rochalateral-direitofutebolesportevoltalesao