Brasil quer fazer bonito e começar a somar pontos pensando no Rio 2016

Grand Prix que acontece neste final de semana, em Cuba, será o primeiro torneio da modalidade que contará pontuação para o ranking visando as Olimpíadas

iG Minas Gerais | DANIEL OTTONI |

Diego Santos está confiante em bom resultado após intensa preparação
DIVULGAÇÃO - CBJ
Diego Santos está confiante em bom resultado após intensa preparação

O Brasil parte para o primeiro compromisso que valerá pontos para o ranking olímpico, visando os jogos no Rio de Janeiro, em 2016. Ao todo, são 15 atletas que estarão presentes no Grand Prix, neste final de semana, em Cuba. Érika Miranda será uma das principais judocas, ao lado de Eric Takabatake (60kg), Diego Santos (60kg), Leandro Cunha (73kg), Marcelo Contini (73kg), Victor Penalber (81kg), Tiago Camilo (90kg), Renan Nunes (100kg), Hugo Pessanha (100kg), Walter Santos (+100kg), Sarah Menezes (48kg), Gabriela Chibana (48kg), Érika Miranda (52kg), Raquel Silva (52kg), Katherine Campos (63kg) e Bárbara Timo (70kg).

A maior delegação será dos donos da casa, que terão 56 atletas para brigar pelas primeiras posições e fazer valer a força do país na modalidade.

A boa distribuição de pontos atraiu a atenção de vários países, que não querem perder a oportunidade de começar a pontuar e brigar por vaga daqui a dois anos. Estão inscritos 334 atletas de 47 países.

“Tenho certeza que fiz uma boa preparação pois consegui juntar todas as áreas. Além da parte física e técnica, também dei ênfase a outras áreas como a nutricional e a psicológica. Estou muito confiante e quero representar bem o Brasil”, destaca Diego Santos.

O alto nível do torneio motiva treinadores e atletas, que sabem das dificuldades que serão encontradas. “É uma competição que está bem forte e é sempre uma grande oportunidade competir em Cuba. Fiquei três semanas me recuperando e estou ansiosa para voltar a lutar. Estou sonhando com essa vaga olímpica e, para isso, tenho que buscar bons resultados”, comenta Katherine Campos.

As lutas começam na sexta-feira, com as categorias mais leves.

 

Leia tudo sobre: judogrand prixcubapontos para rankingolimpiadas 2016erika mirandajudocas