Coronel deixa comando de policiamento especializado em Minas Gerais

Divisão ficará responsável pelas manifestações que devem ocorrer durante a Copa do Mundo; anúncio foi feito a oito dias do início do evento

iG Minas Gerais | Luiza Muzzi |

A Polícia Militar anunciou o nome do novo chefe do Comando de Policiamento Especializado (CPE), nesta quarta-feira (4). O coronel Ricardo Garcia Machado assume o posto, após o anúncio de aposentadoria do coronel Antonio de Carvalho.

A oito dias do início da Copa, a mudança ocorre justamente na unidade responsável pelo policiamento das manifestações de rua, que devem se intensificar durante o torneio. De acordo com o comando geral da Polícia Militar, o motivo da saída do coronel Antonio de Carvalho é o tempo de serviço de 30 anos, que foi cumprido.

“Não houve qualquer desentendimento do coronel com o comando. Ele atingiu o tempo de aposentadoria, solicitou e foi atendido”, garante o comandante-geral da PM, Coronel Márcio Martins Sant'Ana.

  À frente do CPE a partir de agora, o coronel Ricardo Garcia Machado assume o comando de 8.000 policiais para a Copa, divididos em oito batalhões. Há 27 anos na PM, ele trabalhava anteriormente como assessor do secretário de Defesa Social de Minas Gerais, Rômulo Ferraz, o que ele assegura lhe credenciar a cumprir a nova função.

“Eu participei de todas as reuniões de preparação estratégica para a Copa do Mundo em que o secretário esteve, estou a par do que já foi estabelecido”, garante o novo chefe do Comando de Policiamento Especializado.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave