Daniel Alves pede que população dê 'um tempo' em protestos na Copa

Segundo o lateral, brasileiros devem aproveitar momento histórico e voltar a cobrar melhorias no país após o Mundial

iG Minas Gerais | JOSIAS PEREIRA |

ESPORTES - SELECAO BRASILEIRA - COPA DO MUNDO 2014 - BRASIL - 03/06//2014 - GOIAS - GOIANIA - Amistoso Brasil  X Panamá, no Serra Dourada.
Na foto: Hulk e Daniel Alves

Crédito: Rafael Ribeiro / CBF
Rafael Ribeiro / CBF
ESPORTES - SELECAO BRASILEIRA - COPA DO MUNDO 2014 - BRASIL - 03/06//2014 - GOIAS - GOIANIA - Amistoso Brasil X Panamá, no Serra Dourada. Na foto: Hulk e Daniel Alves Crédito: Rafael Ribeiro / CBF

Autor do segundo gol da seleção brasileira na goleada sobre o Panamá por 4 a 0, no Serra Dourada, em Goiânia,  nesta terça-feira, o lateral Daniel Alves celebrou o resultado positivo no penúltimo amistoso antes da Copa. A fragilidade do adversário não impediu a satisfação do atleta, que aproveitou para comentar os problemas sociais do país.

"Isto influi bastante, o resultado é sempre positivo ainda mais em um momento que o Brasil se prepara para receber a Copa", afirmou Daniel Alves.

O lateral da seleção brasileira e do Barcelona também pediu para que a população dê 'um tempo' nas reivindicações e que após a Copa volte a cobrar melhorias no país.

"Eu sei que é difícil, mas, que neste momento, a gente possa esquecer os problemas. Peço com muito carinho que deixe de lado, participe da festa e depois que tudo terminar, a gente possa voltar e cobrar melhorias para o nosso país", concluiu.