Blogueiro vai forçar gay a sair do armário

iG Minas Gerais |

Rio de Janeiro. O papel de protagonista, o comendador de “Império”, será vivido por Alexandre Nero, que vai fazer um personagem mais velho que ele. “Claro que ele vai ser envelhecido porque é pai de três pessoas adultas. Casou com Lilia Cabral, uma mulher um pouco mais velha que ele, porque ele era um Zé Ninguém que enriqueceu e precisava ter prestígio social. E ela é uma paulista quatrocentona, com direito a sotaque”, diz o autor Aguinaldo Silva.  

Ele conta que a novela terá flashback para mostrar o passado do casal. “Eu usei um truque: começo no presente, com pais e a filha chegando ao Monte Roraima, onde ele tem uma história meio mágica, mas quando eles chegam lá, dá um flash back que dura três capítulos. No quarto capítulo, a gente volta à atualidade, mas ainda não ao presente. O flashback só acaba no capítulo 5”, afirma.

O autor diz ainda que “Império” terá três gays. “Gosto de escalar héteros pra fazer gay. Tem o Zé Mayer, que é muitíssimo bem casado, ele é cerimonialista, organizador de festas, tem dois filhos, já adultos, mas tem uma vida secreta. Tem um amante há anos, só que a mulher dele sempre soube e é muito feliz com ele”, conta.

Um dia, porém, segundo o autor, ele encontra um amigo de infância também gay (Paulo Betti), que, por não concordar com ele ainda estar no armário, o denuncia. “O cara é um blogueiro. O mundo dele desaba. A única pessoa que não o abandona é a esposa. O filho mais velho dele tem um restaurante, porque toda novela minha tem que ter um restaurante, e é homofóbico”.

O outro gay, de acordo com Aguinaldo Silva, é o cabeleireiro, Shana Summer, vivido por Ailton Graça. “Ele é uma espécie de líder comunitário, que cuida das pessoas”.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave