Balança comercial registra pior maio desde 2002

Apesar disso, entrada de dólares superou saída em US$ 712 milhões no mês; pior índice foi de US$ 384,2 milhões

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

ADEM KAYA/ARQUIVO STOCKXPERT
undefined

A balança comercial brasileira registrou superávit de US$ 712 milhões em maio, segundo dados divulgados nesta segunda-feira (2) pelo Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior. O resultado é o pior para o mês desde 2002, quando houve saldo positivo de US$ 384,2 milhões. As exportações somaram US$ 20,752 bilhões, com média diária de US$ 988,2 milhões. As importações no mês passado totalizaram US$ 20,040 bilhões, com média diária de US$ 954,3 milhões.

O resultado do mês de maio ficou acima do intervalo das previsões dos analistas consultados pelo AE Projeções, que variava de um resultado negativo de US$ 600 milhões a um superávit de US$ 100 milhões. O número do mês passado foi melhor do que a mediana esperada, de um saldo negativo de US$ 75 milhões.

Na última semana de maio, houve um superávit de US$ 1,057 bilhão. No acumulado dos primeiros cinco meses de 2014, o saldo ficou negativo em US$ 4,854 bilhões. As exportações no ano somam US$ 90,064 bilhões e as importações, US$ 94,918 bilhões.

Na semana passada, o ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC), Mauro Borges, afirmou que continuava com a expectativa de um saldo positivo em 2014. "Vamos esperar para ver qual efetivamente foi o saldo (de maio), mas eu continuo acreditando que nós teremos saldo positivo no final do ano", afirmou.  

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave