Treino da seleção em Goiânia não tem limite de ingressos por torcedor

Informação inicial de dois ingressos por CBF acabou não sendo cumprida

iG Minas Gerais | FOLHA PRESS |

A retirada de ingressos para o treino da seleção brasileira nesta segunda-feira (2), às 16h, no estádio Serra Dourada, em Goiânia, começou mais cedo que o esperado. A distribuição dos bilhetes gratuitos teve início cerca de 20 minutos mais cedo e, ao contrário do estabelecido inicialmente, não há limite de ingressos por torcedor. Basta chegar ao guichê e pegar quantos quiser. A princípio, a organização havia estipulado dois ingressos por CPF. Segundo a administração do Serra Dourada, a mudança na distribuição se deve ao fato de evitar que se forme muitas filas no local. Os portões serão abertos às 13h. São 20 mil ingressos gratuitos para o treino. Cinco mil foram dados no fim de semana. O restante está sendo distribuído nesta segunda. O COL (Comitê Organizador Local) disponibilizou 30 mil ingressos para o treino aberto aos torcedores. Mas, por segurança e para conseguir preparar o estádio para o amistoso contra o Panamá, que será na terça (3), o governo estadual de Goiás decidiu entregar apenas 20 mil. Este será o único treino aberto que a seleção brasileira fará durante a preparação e a participação na Copa do Mundo. A Fifa exige que as 32 seleções que jogarão a competição façam um trabalho aberto ao público, com entrada gratuita. São 37 mil ingressos à venda para o amistoso contra o Panamá. Os preços vão de R$ 100 a R$ 280. "Comprei ingresso para o jogo também apesar de estar caro. Tiraram Goiânia da Copa e esta é a chance de garantir ver a seleção", disse o torcedor José César Fragoso, 55.