Google quer usar satélites para ampliar acesso à internet

O projeto começará com 180 pequenos satélites em órbita a altitudes mais baixas que os satélites comuns e pode ser amplificado posteriormente; custos poderão ficar entre US$ 1 bilhão e mais de US$ 3 bilhões

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Google diz que pagou R$ 733 Mi em impostos
Paul Sakuma
Google diz que pagou R$ 733 Mi em impostos

O Google estuda gastar mais de US$ 1 bilhão para ampliar sua frota de satélites. A ideia é levar acesso à internet a locais isolados do planeta. A informação foi divulgada neste domingo (1), pelo jornal "The Wall Street Journal".

De acordo com a publicação, o projeto começará com 180 pequenos satélites em órbita a altitudes mais baixas que os satélites comuns e pode ser amplificado posteriormente. Em função disso, o custo poderá ficar entre US$ 1 bilhão e mais de US$ 3 bilhões.

No ano passado, a empresa já realizou testes para um projeto chamado "Loon". Nele, a internet era levada a zonas remotas por meio de balões transmissores.

 

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave