Restaurante de hotel que pegou fogo permanece isolado para avaliação

Local funciona normalmente nesta manhã; moradores teriam retornado para seus quartos ainda durante a madrugada; peritos e Defesa Civil devem ir ao hotel nesta segunda-feira

iG Minas Gerais | Fernanda Viegas |

Moradores ainda estão presos em apartamentos
FELIPE DAMIÃO/WEBREPÓRTER
Moradores ainda estão presos em apartamentos

A Defesa Civil de Belo Horizonte e a perícia da Polícia Civil devem comparecer, nesta segunda-feira (2), ao hotel na Savassi, na região Centro-Sul de Belo Horizonte, que pegou fogo na noite desse domingo (1º). O incêndio de grandes proporções atingiu o restaurante do imóvel. Por causa da fumaça, moradores não conseguiram sair sozinhos e precisaram da ajuda dos bombeiros.

De acordo com um recepcionista do local, os moradores voltaram para seus quartos, ainda durante a madrugada. “O hotel está funcionando normalmente e está sendo feito o processo de limpeza do local. Apenas, a área do restaurante está inutilizada”, explicou o funcionário Valdeci Teodoro.

No socorro feito pelo Corpo de Bombeiros na rua Santa Rita Durão, apenas duas pessoas precisaram ser encaminhadas a um hospital. Outras cinco precisaram de ajuda para deixar o hotel. A suspeita é de que o fogo tenha começado após uma fritadeira ficar ligada.

Hotel

O Hotel Promenade Champagnat possui 106 apartamentos, sendo que 58 estão ocupados. Em 44 imóveis vivem os moradores e no restante hóspedes.  

Leia tudo sobre: incêndiohotelrestaurantedefesa civilperícia