Após queda de helicóptero na Rússia, cinco corpos são encontrados

Dezoito pessoas estavam a bordo, entre eles altos dirigentes regionais russos e empresários

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Após a queda de um helicóptero com 18 pessoas a bordo na região de Murmansk, no Noroeste da Rússia, cinco corpos foram encontrados neste domingo por mergulhadores russos. O helicóptero, que transportava cinco tripulantes e altos dirigentes regionais russos, além de empresários, caiu nesse sábado (31), no Lago Munozero, em Murmansk.

Onze pessoas continuam desaparecidas, adiantou à impresa russa Vladimir Markine, porta-voz da comissão de inquérito que investiga o acidente. Supõe-se que estavam a bordo do helicóptero o adjunto do governador de Murmansk, Serguei Skomorokhov, o dirigente da empresa russa especializada em fertilizantes Apatit, Alexei Grigoriev, e o seu adjunto, Konstantine Nikitine.

Denis Puchin, porta-voz da administração regional de Murmansk, recusou-se a identificar os passageiros, mas disse que dois sobreviventes foram encontrados flutuando no lago, presos ao assento.

Para os investigadores, o acidente pode ter sido causado por uma avaria do aparelho e pelo mau tempo.

 

Agência Brasil

Leia tudo sobre: QUEDARÚSSIALAGO