Campos tentará acordo em visita a MG

iG Minas Gerais |

Para tentar colocar um ponto final à divisão interna do PSB em Minas, o pré-candidato do partido ao Palácio do Planalto, Eduardo Campos, deve desembarcar em Minas ainda no início de junho para fechar acordo em torno do nome que vai concorrer ao governo de Minas em outubro.

Na noite de sexta-feira, o presidente estadual do PSB e pré-candidato ao Palácio Tiradentes, Júlio Delgado, se reuniu com Campos e sua pré-candidata a vice-presidente, Marina Silva, para discutir o imbróglio em Minas. De acordo com Delgado, o encontro serviu para garantir que o PSB terá um nome disputando o governo.

“Nos encontramos na gravação do programa de TV, mas conversamos sobre Minas. Não houve nenhuma definição, mas ele deixou claro que o Estado terá um nome, já que isso é essencial para ele”, explica Delgado.

A intenção, no momento, é tentar fazer com que o partido chegue a um acordo antes da convenção, marcada para 21 de junho. “A convenção é o último caminho para a unanimidade. Vamos tentar negociar para que haja um entendimento antes disso”, completou o dirigente. Até o momento, o socialista divide a pré-candidatura ao governo com o ambientalista Apolo Heringer, que garante ter o apoio de Marina Silva. (Isabella Lacerda)

Marina Silva

Visita. Cotada para vice de Eduardo Campos, Marina Silva deve vir a Minas Gerais em 9 de junho, também antes da convenção estadual. Ela terá o papel de negociar com a ala do PSB ligada a Rede.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave