Um artista cheio de funções por trás das câmeras

iG Minas Gerais |

Além de seu trabalho de interpretação, Thiago Mendonça se divide em muitas funções na Companhia de Teatro Íntimo. Há oito anos inserido no projeto com mais 20 atores, ele revela que, muitas vezes, prefere ficar responsável por outros detalhes importantes para a realização de um espetáculo. “Atuar é um risco, que nem pular de paraquedas. Você fica extremamente vulnerável”, compara. Por isso mesmo, Thiago não esconde a satisfação quando fica encarregado pela direção de arte da apresentação. “Tudo reflete na atuação do ator. Não é só estar ali presente”, opina ele, que já foi indicado para o prêmio de Melhor Figurino, pela peça “O Beijo no Asfalto”, no Festival Internacional de Teatro de Angra, em 2012.

Hoje em dia, Thiago confessa estar focado somente no dia a dia das gravações da novela, já que exige uma demanda especial de tempo. Para ele, o importante é estar inteiro em cada trabalho. “Vou nas reuniões do grupo, mas não posso me comprometer a viajar pela cia”, confessa.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave