Atleticanos lamentam derrota, mas saem em defesa de Giovanni

Neto Berola e Pierre comentam revés do Galo em São Paulo, no entanto, ressaltam apoio ao goleiro alvinegro, vilão no Morumbi

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

A falha do goleiro Giovanni no apagar das luzes do confronto que terminou em 2 a 1 para o São Paulo, na noite deste sábado, no Morumbi, pela nona rodada do Campeonato Brasileiro, foi determinante para a derrota do Galo. O resultado deixou o grupo alvinegro triste, mas os jogadores saíram em defesa do arqueiro preto e branco.

“Infelizmente, tomamos um gol. Agora é seguir firme. Acontece, todo mundo erra, é normal. Não vamos colocar culpa no Giovanni, que nos salvou muitas vezes. Ele fez boa partida contra o Fluminense, agora é trabalhar”, disse Neto Berola, autor da assistência para o gol de empate do Atlético, marcado por Josué.

Um dos cães de guarda do meio-campo atleticano, Pierre elogiou o comportamento da equipe, mas reclamou do lance que originou o gol tricolor. “A equipe lutou, foi briosa, não merecíamos a derrota. Uma falta duvidosa, o Ganso vinha caindo. A gente lamenta (o gol sofrido em falha de Giovanni). Agora é levantar a cabeça, trabalhar firme, pois o Atlético tem tudo para fazer bonito na competição”, ressaltou o volante.

Leia tudo sobre: AtléticoSão Paulocampeonato brasileirogiovannineto berolapierre