Marcha da Maconha reúne 2.000 pessoas no centro de BH

Os manifestantes se concentraram na praça da Estação e saíram em passeata às 16h20; grupo deve caminhar até a praça da Liberdade

iG Minas Gerais | Bruna Carmona |

Manifestantes se concentraram na praça da Estação
Lincon Zarbietti/O Tempo
Manifestantes se concentraram na praça da Estação

Pelo menos 2.000 pessoas tomaram o centro de Belo Horizonte na tarde deste sábado (31), para participar da Marcha da Maconha. O ato, que acontece desde 2008, reivindica a legalização da droga.

Os manifestantes se concentraram na praça da Estação e saíram em passeata às 16h20, passando pela praça Sete. Carregando faixas e também um helicóptero feito de papelão, eles pretendem caminhar até a praça da Liberdade, passando pela rua da Bahia. Lá, o grupo deve acender um baseado gigante.

O trânsito no local está sendo desviado e não há relato de grandes retenções ou lentidão.