Álcool caiu de preço na usina, mas postos não repassaram

De 76 estabelecimentos, só em cinco vale a pena abastecer

iG Minas Gerais | Helenice Laguardia |

Safra. Produção de álcool aumentou e usinas reduziram o preço do litro em cerca de R$ 0,22
LEO FONTES / O TEMPO
Safra. Produção de álcool aumentou e usinas reduziram o preço do litro em cerca de R$ 0,22

O preço do litro do etanol já caiu R$ 0,22 para o produtor nas últimas cinco semanas e a totalidade dessa diferença ainda não foi transferida para o consumidor que vai abastecer nos postos de Belo Horizonte. Ao menos na pesquisa de combustíveis do Procon Assembleia realizada nos dias 28 e 29 de maio, dos 76 estabelecimentos pesquisados, apenas em cinco deles já é mais vantajoso abastecer com etanol, pois ele está custando menos de 70% do preço da gasolina. “Estamos falando de cinco semanas e só um mês depois foi ter reflexo e mesmo assim é pontual”, ataca o presidente executivo da Associação das Indústrias Sucroenergéticas de Minas Gerais (Siamig), Mário Campos.  

O executivo da Siamig diz que o mercado é livre e o posto cobra o preço que quiser. “Mas quando ele sobe na usina, aumenta rápido nos postos, agora, quando cai, eles (distribuidoras e postos) demoram para repassar”, pondera. Para Campos, estão aumentando a margem de ganho no produto. “O que vemos é que cada vez demora mais o repasse da queda ao consumidor e isso é ruim para o mercado”, avalia.

Para o diretor do Minaspetro Felipe Bretas, que representa os postos, é normal o preço do etanol ter uma demora maior na queda por conta dos estoques antigos no posto. “E tem que ressaltar que o preço é livre. Cada empresário precifica de acordo com seus custos”, diz.

Bretas afirma ainda que o preço do etanol demora um pouco mais para cair na bomba porque, como o combustível está menos competitivo, vende pouco.

Cana e etanol

Safra. Minas Gerais vai moer 59,5 milhões de toneladas de cana na safra 2014/2015. E, no caso do etanol, serão 2,5 bilhões de litros. O saldo é 34% menor que a safra 2013/2014 segundo a Siamig.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave