Teste em esgoto revela o uso de drogas das cidades europeias

Local onde mais se consome maconha na Europa não é Amsterdã, mas Novi Sad, na Sérvia

iG Minas Gerais | Flávia Denise |

Imagine fazer um exame de urina em todos os habitantes de uma cidade – do centro à periferia – para descobrir quais drogas ilegais as pessoas estão usando e qual é o consumo diário de cada droga. O estudo de um grupo de pesquisadores do Centro Europeu de Monitoramento de Drogas e Vício (EMCDDA, na sigla em inglês) fez exatamente isso. A diferença é que, em vez de pedir uma amostra aos moradores, eles colheram o material onde não há necessidade de pedir permissão: no esgoto.

O objetivo da pesquisa que analisou os detritos de 42 cidades de 21 países europeus é conseguir dados confiáveis sobre o consumo de drogas para que as prefeituras consigam criar políticas públicas com base na informação, mas o resultado da pesquisa está sendo avaliado pela imprensa internacional como uma espécie de ranking das cidades mais festeiras da Europa.

O estudo, que foi publicado na revista “Addiction”, trouxe algumas curiosidades. A cidade holandesa de Amsterdã, onde o consumo de maconha é liberado dentro das coffee shops (cafeterias), não é a cidade onde mais se consome a erva. Esse posto ficou com a cidade sérvia de Novi Sad.

Já quando se fala de cocaína, quem chamou a atenção foi Londres, no Reino Unido, que ficou em segundo lugar no consumo do pó.

A razoavelmente desconhecida cidade belga de Antuérpia também chamou a atenção e ficou entre as cinco cidades que mais usam cocaína (1º lugar), ecstasy (4º) e maconha (4º).

Dados confiáveis. Conseguir dados confiáveis sobre o consumo de drogas ilegais em uma determinada cidade é uma tarefa complicada. Por mais que autoridades criem estimativas com base em apreensões de drogas, internações devido aos efeitos colaterais e pesquisas feitas por amostragem, a verdade é que esses dados são somente isso: estimativas. A ideia do grupo é coletar os dados de uma forma que não há erro de cálculo ou espaço para mentiras. Isso é possível porque, juntamente com todos os outros detritos gerados por uma cidade, há, no esgoto, traços de todos os compostos químicos ingeridos pelas pessoas que moram naquele local, incluindo alimentos, remédios e drogas ilegais.

Curiosidades Fim de semana Os níveis de cocaína e ecstasy no esgoto aumentam durante os fins de semana. Água potável Se o tratamento de esgoto não for eficiente, a droga pode estar presente na água potável. Ética Pesquisadores temem que dados possam expor usuários.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave