Imagens miram o mundo onírico e subjetivo

Artista apresenta “Exile”, sua primeira exposição com série de trabalhos produzidos entre 2011 e 2012

iG Minas Gerais | carlos andrei siquara |

Mostra acolhe 15 criações da série“Exile” e duas da coleção “Titãs”
Sabrina Ferrari
Mostra acolhe 15 criações da série“Exile” e duas da coleção “Titãs”

Não interessa a Sabrina Ferrari o potencial realista das fotografias. A artista, que promove sua primeira exposição individual, batizada “Exile” na Galeria CMafra, busca por meio dessa linguagem acessar um universo além daquele captado pelos sentidos.

“As minhas fotos propõem um diálogo com o universo interior, seja dos nossos pensamentos ou dos sentimentos que podem ser estimulados quando estamos diante daquelas imagens. Meu trabalho sempre teve essa característica, por isso o nome dessa mostra se referir à palavra ‘exílio’. É como eu vejo esse processo solitário em que nos voltamos a nós mesmos”, explica Sabrina Ferrari.

Fotógrafa autodidata, ela diz que ganhou a sua primeira câmera quando tinha 12 anos. De lá para cá, exercita os cliques buscando produzir criações que em comum apresentam traços oníricos. Sabrina conta que a imagem tecnicamente perfeita não lhe interessa, por isso busca sempre algo capaz de distorcer uma representação fiel da realidade.

“Quando eu percebia que uma imagem parecia a tradução fiel do que via, eu achava que aquilo ainda não era o melhor resultado. Eu sempre quis algo que fosse um pouco além disso e que conversasse comigo de uma maneira que possibilitasse leituras mais subjetivas”, acrescenta ela.

Para alcançar esse efeito, ela conta utilizar alguns recursos permitidos pelas próprias câmeras e dispensa softwares como o Photoshop. Às vezes, também recorre à pintura como uma forma de acrescentar camadas ao que retrata.

“Eu gosto muito de trabalhar com a sobreposição de imagens por meio do recurso da múltipla exposição. Outra forma de interferir nas imagens é com a pintura que cria ambiguidades e dificulta a percepção de existe que ali por baixo da tinta uma fotografia”.

Serviço. Mostra “Exile”, na CMafra Galeria (rua Xingu, 487, Alto Santa Lúcia ). Visitação: De 2ª a 6ª, das 10h às 19h. Aos sáb., mediante agendamento no tel.: 3296-4246. Entrada franca.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave