Com muita folga, Zanetti avança à final em Anadia

Ginasta brasileiro passou com tranquilidade para a final do mundial de ginástica artística em Portugal

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

Arthur Zanetti sobrou nas eliminatórias das argolas na etapa de Anadia da Copa do Mundo de Ginástica Artística. Em Portugal, o brasileiro repetiu a nota que lhe rendeu o ouro no Mundial do ano passado, 15.800, enquanto nenhum dos seus adversários conseguiu atingir sequer uma nota acima de 15.000 pontos. O segundo melhor foi o finlandês Markku Vahtila, com 14.950.

Nesta quinta-feira foram realizadas as eliminatórias de três aparelhos e o Brasil só garantiu uma final. Nas argolas, Francisco Barreto foi o nono, com 13.600, mas só oito avançam. Barreto também foi o 11.º no cavalo com alças, com 13.800, enquanto Arthur Zanetti acabou na 17.ª colocação no solo, com a nota 13,800.

"A minha série foi boa, mas eu caí no duplo para a frente e isso me tirou nota. Eu não estou satisfeito porque queria acertar a minha série para ver o quanto seria a minha nota com a série boa", lamentou Zanetti. A final das argolas é no sábado, enquanto a sexta-feira é reservada para as eliminatórias do salto, das barras paralelas e da barra fixa.

A assessoria de imprensa da Confederação Brasileira de Ginástica (CBG) divulgou que Diego Hypolito e Caio Souza também competiriam no solo em Anadia, mas os dois atletas, que estavam inscritos na Copa do Mundo, não tiveram nota computada.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave