Brasileiros desenvolvem aplicativo para concorrer contra o WhatsApp

Na AppStore, o aplicativo já foi baixado por mais de 50 mil pessoas - destas, 2 mil fizeram a avaliação do ZapZap, que recebeu uma nota média de 3,9

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Desenvolvido pela empresa Private Host, o ZapZap utiliza a mesma estrutura do Telegram
Reprodução
Desenvolvido pela empresa Private Host, o ZapZap utiliza a mesma estrutura do Telegram

Fazendo cada vez mais sucesso no público brasileiro, o aplicativo de mensagens instantâneas WhatsApp ganhou um novo concorrente. Desta vez, um brasileiro: o ZapZap, lançado no último domingo (25), que é uma versão adaptada para o português do russo Telegram. 

Desenvolvido pela empresa Private Host, o ZapZap utiliza a mesma estrutura do Telegram, apresentando como única diferença a linguagem - ainda que possua uma tradução que, muitas vezes, apresenta erros. 

Atualmente, o ZapZap está disponível para Android e possui características que não abrangem ao seu primo rico, como, por exemplo, a transferência de aplicativos e games entre celulares. Além disso, a produção brasileira pode ser utilizada por celulares, tablets e até mesmo diretamente de navegadores.

Na AppStore, o aplicativo já foi baixado por mais de 50 mil pessoas - destas, 2 mil fizeram a avaliação do ZapZap, que recebeu uma nota média de 3,9. Pelos comentários, é possível ver que os usuários elogiam muito a velocidade da navegação, mas criticam a insistência de publicidades em seu uso. 

Em sua descrição, o ZapZap promete consumir menos bateria que seus concorrentes e apresentar ao público brasileiro itens que já são sucesso no leste europeu, como a mensagem secreta (onde o usuário envia o texto, mas ele não fica guardado no histórico da conversa) e a 'auto-destruição' (quando a mensagem é enviada mas excluída logo em seguida).

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave