Brasileira confirma feito de subir sete montanhas mais altas do mundo

Paulista Ana Elisa Boscarioli superou, no último dia 24, monte nos EUA e fechou a lista dos cumes mais complicados do planeta

iG Minas Gerais | DANIEL OTTONI |

Ana Elisa relatou algumas das dificuldades passadas em território norte-americano
Arquivo pessoal
Ana Elisa relatou algumas das dificuldades passadas em território norte-americano

Um feito de grande relevância, daqueles para não deixar dúvidas da capacidade das mulheres em igualar sua condição perante os homens. A paulista Ana Elisa Boscarioli, de 48 anos, chegou ao cume do Monte McKinley, no Alasca-EUA e tornou-se a primeira brasileira a superar as montanhas mais altas de cada continente. O recorde foi alcançado no último dia 24.

O McKinley possui 6.194m de altura e foi o terceiro mais alto já alcançado por ela.

“O McKynley, junto com o Everest, foi um dos maiores desafios. É uma montanha muito fria devido a ventos fortes e sua proximidade com os polos. Às vezes encontramos temperaturas mais baixas do que nos picos mais altos do Himalaia. Tive que andar 50km no gelo depois de ser deixada por um avião pequeno no meio da Serra do Alasca. A partir dali, carreguei todos os equipamentos e mantimentos necessários para as semanas que ficaria na montanha, incluindo combustível para derreter gelo e fazer água”, lembra a paulista, que teve sua primeira conquista em 2003, ao subir o Aconcágua.

Muitas barreiras apareceram no caminho. No entanto, a persistência e a dedicação falaram mais alto para ela, que se torna um exemplo de onde pode-se chegar com uma força de vontade do tamanho das alturas escaladas.

“Na primeira tentativa tive que desistir porque os ventos na aresta que leva ao cume chegavam a quase 100km por hora. Não pude realizar uma nova tentativa logo a seguir devido a um princípio de congelamento no polegar direito graças à descida forçada. Desta vez, me senti mais preparada fisicamente e tecnicamente”, comenta.

Outros locais que são considerados referências do montanhismo, hobby de Ana, foram alcançados, como o Everest (8.848m), em 2006 e o Monte Elbrus (5.642m), em 2011.

Em 2012, foi a vez de subir o Monte Vinsdon (4.892m), na Antártida. O desafio seguinte foi abortado. Durante tentativa de subir a Pirâmide Carstensz, na Oceania, Ana e sua expedição foram sequestrados por índios de Nova Guiné.

O imprevisto não desanimou a brasileira, que voltou ao local no ano seguinte. Ainda em 2013, foi a vez de subir o Kilimanjaro (5.891m), na África do Sul.

Sete cumes mais altos do mundo superados por Ana Elisa Boscarioli :

Monte Aconcágua - América do Sul (6.962m) – 2003 Monte Everest - Ásia (8.848m) – 2006 Monte Elbrus - Europa (5.642m) – 2011 Monte Vinsdon - Antártida (4.892m) – 2012 Pirâmide Carstensz - Oceania (4.884m) – 2013 Monte Kilimanjaro - África (5.891m) - 2013 Monte McKinley - Alasca (6.194m) - 2014

 

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave