MG registra aumento no número de homicídios, mostra Mapa da Violência

No Brasil, índice, que mostra números de 2012, registra a maior taxa da história, sendo que 56.337 pessoas foram assassinadas naquele ano

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

A nova versão do Mapa da Violência, que será lançada na próxima semana, mostra que, em 2012, o Brasil registrou o maior número de homicídios e a taxa mais alta de assassinatos desde 1980. De acordo com o levantamento, 56.337 pessoas foram assassinadas naquele ano, o que representa um aumento de 7,9% em relação a 2011. 

Em Minas, a taxa de homicídios atingiu 22,8 pessoas a cada 100 mil. Em 2011, o número era de 21,5. No estudo sobre suicídios, o Estado aparece em 8º lugar, registrando 6,4 casos a cada 100 mil pessoas.

As vítimas de acidentes de transportes acompanham a média brasileira, ficando na faixa dos 23,6 a cada 100 mil.

A pesquisa é feita com base no Sistema de Informações de Mortalidade, do Ministério da Saúde. Como o Mapa da Violência só passou a ser veiculado e feito a partir de 1980, esta edição registra os piores índices da história.

 

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave