Teliana vence de virada e quebra jejum em Roland Garros

Tenista venceu sua primeira partida na chave principal do Grand Slam e deu a 25 anos sem vitórias brasileiras no feminino

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

Teliana Pereira chegou á 99ª posição no ranking da WTA
Reprodução/Facebook
Teliana Pereira chegou á 99ª posição no ranking da WTA

Teliana Pereira obteve um feito histórico para o Brasil em Roland Garros nesta terça-feira. A tenista número 1 do País não apenas venceu sua primeira partida na chave principal do Grand Slam francês como também quebrou um jejum de 25 anos sem vitórias brasileiras no feminino.

Ao derrotar a tailandesa Luksika Kumkhum por 2 sets a 1, com parciais de 4/6, 6/1 e 6/1, ela encerrou uma sequência de resultados negativos do Brasil na chave feminina. As últimas vitórias do País em Roland Garros foram obtidas pela paulista Andrea Vieira e pela gaúcha Niege Dias em 1989. Na ocasião, as duas alcançaram a terceira rodada.

Este é o mesmo objetivo de Teliana no momento. Depois de vencer em sua primeira partida na chave principal de Paris, ela terá pela frente a romena Sorana Cirstea, atual número 26 do mundo. As duas se enfrentaram apenas uma vez no circuito profissional, com triunfo da brasileira, e justamente no saibro, neste ano, em Charleston, nos Estados Unidos.

Antes deste confronto, porém, Teliana levou um susto nesta terça antes de deslanchar diante da 114ª do ranking. A brasileira fez um começo de jogo nervoso e chegou a estar perdendo por 5/0 no set inicial. No entanto, ela obteve forte reação mesmo perdendo na primeira parcial e não deu chances à tailandesa nos dois sets seguintes.

A rival conseguiu vencer apenas dois games nas outras duas parciais, diante de uma embalada Teliana. A brasileira praticamente não falhou nestes sets. Terminou a partida com apenas 10 erros não forçados, contra 43 da adversária. E mostrou rendimento muito superior no saque. Assim, obteve seis quebras nas duas parciais e cravou a vitória em 1h40min de partida.

O triunfo vai render à brasileira ao menos 42 mil euros, sua maior premiação da carreira até agora, e bons pontos no ranking. Teliana, atual 94ª do mundo, deve se aproximar do Top 90. Sua melhor colocação da carreira é a 88ª.

Leia tudo sobre: telianaroland garrostênisestreiajejumluksika kumkhumestados unidos