Diretoria do Palmeiras vai acelerar renovação de Wesley

Negociação foi paralisada enquanto dirigentes definiam a contratação de um novo treinador; Gareca chegou e já deu aval para que ele fique

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

A transferência de Alan Kardec para o São Paulo parece ter servido para fazer a diretoria do Palmeiras entender que não pode perder tempo para renovar o contrato de um jogador que quer manter no elenco. Por isso, os dirigentes já se preparam para retomar as conversas e definir logo a permanência de Wesley. Os dois lados se mostram dispostos a fazer o acerto.

A negociação foi paralisada enquanto a diretoria definia a contratação de um novo treinador. Ricardo Gareca chegou e já deu aval para que as negociações continuassem. O presidente Paulo Nobre tinha aberto a possibilidade de negociar o jogador com um clube europeu, atitude que não foi bem aceita por Wesley. Como nenhum grande negócio apareceu, a direção reabriu as negociações e está confiante em um desfecho feliz.

O empresário do jogador, Hugo Garcia, mostra tranquilidade e garante que a intenção do volante é ficar no Palmeiras. "Entendemos o momento do clube, que tinha troca de comando. E agora vamos tentar acertar. O mais importante é que o Wesley quer ficar."

Com contrato até o dia 27 de fevereiro, a partir do dia 27 de agosto Wesley poderá assinar pré-contrato com outra equipe e sair de graça no final de seu vínculo. Mas, para alívio da diretoria, Wesley completou domingo sete jogos no Campeonato Brasileiro, o que o impede de defender outra equipe brasileira na temporada.

Sempre que questionado sobre o assunto Wesley deixa claro que seu desejo é ficar. A dívida do clube com Antenor Angeloni, presidente do Criciúma e fiador da transferência, não deve interferir no futuro do atleta. O clube deve ao dirigente R$ 15 milhões e chegou a ter a cota de TV bloqueada pela Justiça.

Leia tudo sobre: palmeiraswesleyrenovaçãodiretoriagareca. hugo garciacontrato