Seleção se apresenta nesta segunda para iniciar busca pelo hexa

iG Minas Gerais |

Sonho. David Luiz, Neymar, Hulk e outros 20 guerreiros começam hoje a se preparar para trajetória rumo ao hexa
Foto: Rafael Ribeiro / CBF
Sonho. David Luiz, Neymar, Hulk e outros 20 guerreiros começam hoje a se preparar para trajetória rumo ao hexa

Rio de Janeiro. A nova família Scolari se reúne nesta segunda em solo fluminense a fim de iniciar os preparativos para a busca do hexacampeonato mundial. Às 10h, os jogadores convocados por Felipão para a disputa da Copa do Mundo se apresentam no Aeroporto Internacional do Rio de Janeiro Antônio Carlos Jobim. De lá, eles vão para o QG da equipe verde-amarela, a Granja Comary, em Teresópolis, na região Serrana do Estado.  

Ao todo, serão 17 dias de preparação visando à concretização de um sonho que já foi adiado duas vezes, em 2006 e 2010, com as eliminações nas Copas da Alemanha e da África do Sul, respectivamente. Maior vencedora da história do Mundial, com cinco títulos – 1958, 1962, 1970, 1994 e 2002 –, a seleção brasileira corre atrás do sexto caneco para manter a hegemonia no futebol mundial, ampliar a vantagem que tem sobre a Itália, dona de quatro troféus, e tentar apagar o Maracanazo de 1950, quando o Brasil perdeu a final da Copa, em casa, para a seleção do Uruguai.

A luta pela sexta estrela no peito não será nada fácil. Na primeira fase, o Brasil terá que superar Croácia (12/6, na Arena Corinthians, em Itaquera), México (17/6, no Castelão, em Fortaleza) e Camarões (23/6, no Mané Garrincha, em Brasília). No mata-mata, equipes de tradições podem aparecer no caminho da seleção canarinho, como Holanda, Espanha, Itália, Alemanha, Argentina, França, Uruguai, dentre outras.

Para se preparar da melhor forma possível, Neymar e companhia passarão por exames médicos nesta segunda e terça, treinos com bola a partir de quarta-feira e dois amistosos: contra Panamá, no dia 3 de junho, no Serra Dourada, em Goiânia, e contra Sérvia, no dia 6 de junho, no Morumbi, em São Paulo.

“Eu vou dar ênfase nos primeiros dias a testes junto com os departamentos físico e médico. E, a partir desses testes, vamos desenvolver um trabalho em conjunto em que vamos colocar esses jogadores no melhor de suas condições física e técnica. Temos um grupo de trabalho muito bom. Nossa parte física é boa, nossa parte médica é excelente. E vamos trabalhar em cima disso”, disse o técnico Luiz Felipe Scolari.

“Se entendermos que alguns jogadores não poderão jogar o primeiro ou segundo amistoso, não iremos colocá-los. Estamos trabalhando para a Copa, num planejamento bem organizado”, completou.

Amigos, amigos...

Em entrevista ao Esporte Espetacular desse domingo, Neymar afirmou que conversa bastante com o amigo e companheiro de Barcelona, o argentino Messi, sobre a Copa do Mundo. E já fez o favor de “provocar” o craque da Argentina. “A gente conversa. Eu falei para ele: desejo toda sorte do mundo até a final, mas vai perder para gente. Aí ele dá risada”, afirmou Neymar, principal jogador do combinado verde-amarelo. No entanto, respeito é o que não falta entre eles. “O Messi é melhor jogador que já vi de perto. Para mim é o melhor. Nunca vi um cara ter o dom para o futebol assim”, declarou a estrela da seleção brasileira.

Revivendo o penta

A taça da Copa do Mundo esteve presente na manhã desse domingo em Fortaleza. E um personagem ilustre aproveitou a deixa para levantar a taça da mesma forma que Cafu em 2002, numa homenagem ao capitão do pentacampeonato. O tal personagem era ninguém menos que o ex-meia-atacante Rivaldo, considerado por muitos como o principal jogador daquela conquista. “O Felipão entrou em 2002 próximo da Copa do Mundo. Agora, é a mesma coisa. Ele conseguiu arrumar a seleção naquele momento também difícil. Está fazendo um bom papel”, declarou Rivaldo, em entrevista ao Globoesporte.com.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave