Corinthians joga bem e goleia Sport por 4 a 1 no Recife

Depois de 16 anos, clube paulista vence Sport dentro de casa; boa atuação aproxima o time do G4; o Sport permanece em posição intermediária na tabela

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

O técnico Mano Menezes tinha razão ao dizer que o Corinthians tem conseguido se sair melhor em jogos fora da casa. Neste domingo, o time deixou para trás o estigma de ter dificuldade em criar, fez uma boa partida e goleou o Sport por 4 a 1, no estádio da Ilha do Retiro, no Recife, pela sétima rodada do Campeonato Brasileiro.

O clube paulista não vencia no estádio do Sport desde o Brasileirão de 1998. Com o resultado, o Corinthians volta a se aproximar do G4 e o time pernambucano, que ainda tem um jogo a menos - contra o Bahia, em 4 de junho, continua em uma posição intermediária da tabela de classificação.

O Corinthians soube aproveitar bem as chances de contra-ataque e fez a alegria da torcida corintiana que tomou boa parte do estádio e terminou o jogo com gritos de provocação e de "segunda divisão" para o time pernambucano.

No começo do jogo, o Sport tentou fazer a lição de casa e conseguia manter a posse de bola, mas acabou vencido pelos contra-ataques. O Corinthians não havia criado nenhuma jogada de perigo até os 19 minutos, quando Romarinho colocou os paulistas na frente no placar. A jogada do gol começou com Guerrero, que invadiu a área pela esquerda e mesmo marcado fortemente pela zaga conseguiu tocar para Jadson, que deu um toque rápido para Romarinho chutar de fora da área e marcar.

O Sport tentou reagir com o gol de Leonardo, aos 27 minutos, em jogada que o atacante do Sport ficou cara a cara com Walter e contou com a ajuda de Augusto, que atrapalhou a zaga do Corinthians para marcar.

Mas a reação do Sport não foi muito além desse gol de Leonardo e logo depois, Romarinho continuou a se destacar e jogar de forma leve e solta. E foi justamente após falta feita no atacante corintiano que o time conseguiu voltar a ter vantagem no placar. Na cobrança de falta muito próxima à área, Fabio Santos enganou o goleiro Magrão e Jadson deu um chute certeiro, que desviou na cabeça de Patric e entrou.

No segundo tempo, o Sport também começou com posse de bola e pressa, mas o histórico do jogo se manteve e foi o Corinthians que ampliou a vantagem no placar, aos 9 minutos. Jadson fez mais um gol, de pênalti, após Durval fazer falta na área e ser expulso.

Com o placar a seu favor, o Corinthians começou a trocar passes e administrar a partida. A torcida corintiana começou a gritar "olé" e os torcedores os rubro-negros vaiavam o time paulista. Mas, para o fim da esperança dos torcedores do Sport, Romarinho recebeu a bola livre na área para fazer mais um e decretar a goleada. Depois do gol, alguns torcedores pernambucanos começaram a deixar o estádio.

Com torcedores conformados, os jogadores sentiram que a partida já estava resolvida e tanto Sport quanto Corinthians diminuíram o ritmo e o placar ficou em 4 a 1 para o time paulista, que voltou a vencer no Recife com folga.

Pela oitava rodada do Brasileirão, o Corinthians recebe o Cruzeiro, no estádio do Canindé, em São Paulo, nesta quarta-feira, às 22 horas. Já o Sport recebe o Grêmio, também nesta quarta, às 19h30.

FICHA TÉCNICA

SPORT 1 x 4 CORINTHIANS

SPORT - Magrão; Patric, Ferron, Durval; Renê, Rodrigo Mancha, Augusto, Rithely; Renan Oliveira (Felipe Azevedo); Leonardo (Ewerton Páscoa) e Neto Baiano. Técnico: Eduardo Baptista.

CORINTHIANS - Cássio (Walter); Fagner, Cléber, Gil; Fabio Santos Ralf, Bruno Henrique (Renato Augusto); Petros, Jadson; Paolo Guerrero e Romarinho (Luciano). Técnico: Mano Menezes.

GOLS - Romarinho, aos 19, Leonardo, aos 27, e Jadson, aos 37 minutos do primeiro tempo; Jadson (pênalti), aos 9, e Romarinho, aos 22 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Augusto e Patric (Sport); Bruno Henrique (Corinthians).

CARTÕES VERMELHOS - Durval e Neto Baiano (Sport).

ÁRBITRO - Péricles Bassols Pegado Cortez (Fifa/RJ).

RENDA E PÚBLICO - Não disponíveis.

G - Estádio da Ilha do Retiro, no Recife (PE).

Leia tudo sobre: SportCorinthianscampeonato brasileiro