Erro de Rosberg prejudica Hamilton e cria polêmica

O alemão teria errado uma freada e acabou escapando na pista. Isso fez que fosse dada bandeira amarela no local

iG Minas Gerais | agência estado |

Um erro de Nico Rosberg, já no finalzinho de treino de classificação para o Grande Prêmio de Mônaco, neste sábado, causou polêmica. O alemão teria errado uma freada e acabou escapando na pista. Isso fez que fosse dada bandeira amarela no local. Seu companheiro de equipe na Mercedes, Lewis Hamilton, que vinha atrás, acabou prejudicado e não conseguiu fazer uma volta mais rápida para assumir a pole.

O assunto tomou conta da entrevista coletiva dos pilotos depois do treino de classificação. "Eu pensei mais de uma vez no aconteceu, porque eu acreditava que alguém pudesse bater meu tempo, mas é claro que, no final, eu estou muito, muito feliz que tudo deu certo. Largar na pole em casa é fantástico, não poderia ser melhor", comentou Rosberg, que mora em Montecarlo.

O alemão negou que o erro tenha sido proposital. "Não, definitivamente não. Claro que sinto muito por Lewis. Eu não sabia exatamente onde ele estava. Só quando eu rodei que vi que ele estava vindo. Claro que isso é legal, mas foi desta forma que aconteceu", comentou Nico.

Já Hamilton falou pouco. Inicialmente disse que a situação era irônica, que perdeu alguns décimos, mas que estava tudo bem. Depois, quando solicitado a comentar a resposta anterior do companheiro, afirmou apenas que: "Eu não tenho resposta para isso".

Depois da insistência dos repórteres, Hamilton confirmou que tinha perspectivas de baixar o tempo de Rosberg e fazer a pole position. Mas, com respostas curtas, garantiu que, na hora, não sentiu que o alemão havia feito qualquer coisa para prejudicá-lo.

Leia tudo sobre: hamiltonf1