Brasil volta a ser dominado pela Itália na Liga Mundial

Equipe brasileira sofreu com o forte saque dos italianos e acabou derrotada por 3 sets a 1, em 1h30min

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

Brasil não conseguiu se impôr dentro de casa contra a Itália e perdeu mais uma vez
Divulgação/CBV
Brasil não conseguiu se impôr dentro de casa contra a Itália e perdeu mais uma vez

O Brasil voltou a ser superado pela boa equipe da Itália, neste sábado, na primeira rodada da Liga Mundial de Vôlei. Assim como já havia acontecido na sexta, a seleção do técnico Bernardinho mostrou falta de ritmo, sofreu com o forte saque adversário, e perdeu de 3 sets a 1, em 1h30min de jogo, com parciais de 25/17, 24/26, 25/23 e 25/20, em Jaraguá do Sul (Santa Catarina).

O italiano de origem russa Ivan Zaytsev voltou a ser o melhor do jogo, com 23 pontos, enquanto seus companheiros Jiri Kovar (checo naturalizado) e Simone Parodi fizeram 13 cada. Pelo Brasil, Lucarelli anotou 16, num jogo em que a seleção brasileira entregou 31 pontos em erros, enquanto os italianos só cederem 20.

Assim como já havia acontecido na sexta, o início do jogo foi péssimo para o Brasil. A Itália sacava forte e o time brasileiro não conseguia rodar, levando 10 pontos em sequência. Assim, com 10 a 1 no placar, os italianos garantiram que o primeiro set era deles e foram ganhando ritmo de jogo.

Para o segundo set, Bernardinho mexeu no time. Sacou Bruno, Murilo e Vissotto para colocar em quadra Rapha, Theo e Maurício Borges. Com a formação, o Brasil melhorou principalmente no bloqueio e passou a jogar de igual para a igual com a Itália. O set foi equilibrado até o fim e só foi decidido no bloqueio brasileiro, que funcionou duas vezes seguidas para o Brasil fazer 26/24.

O dia, porém, era do ótimo Ivan Zaytsev, que mostrou já ser um dos melhores do mundo. A Itália controlou o set, chegou a ceder a vantagem ao Brasil num ace de Maurício Borges, mas fechou o set na frente, em 25/23, aproveitando-se também de uma série de erros dos brasileiros.

No total, foram 31 pontos entregues pelo Brasil à Itália, inclusive o último deles, quando Maurício Borges pisou na linha e invadiu a quadra adversária para tentar o ataque. Assim, a Itália fez 25/20 e fechou o quarto set e o jogo, em 3 a 1.

Leia tudo sobre: voleibrasilitalia