Inglês Shaw revela surpresa por ir ao Mundial

Lateral inglês fará sua estreia na Copa do Mundo aos 18 anos

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

O  jovem jogador só havia jogado uma vez pela seleção inglesa, em um amistoso em março desse ano
Luke Shaw oficial facebook/reprodução
O jovem jogador só havia jogado uma vez pela seleção inglesa, em um amistoso em março desse ano

Apesar da presença de veteranos como Gerrard, Lampard e Rooney, a seleção inglesa que virá ao Brasil é jovem, uma vez que a ideia do técnico Roy Hodgson é renovar o time pensando nos próximos Mundiais. Assim, entre as novidades da Inglaterra para a Copa está o garoto Luke Shaw, de apenas 18 anos, que defende o modesto Southampton.

O jogador só havia jogado uma vez pela seleção, em um amistoso em março, e acabou deixando de fora de convocação o veterano Ashley Cole, que foi o titular da Inglaterra nas últimas três edições da Copa.

"Eu fiquei muito surpreso. Como o Cole não jogou diversos jogos, eu pensei que eu poderia esperar uma chance. Mas aí ele jogou os últimos três jogos da temporada e se saiu incrivelmente bem. Quando a convocação foi anunciada, foi o melhor sentimento do mundo. Eu tenho apenas 18 anos e estou indo para uma Copa do Mundo", festejou o lateral, nesta sexta-feira, em entrevista coletiva.

Shaw contou que, quatro anos atrás, enquanto a Inglaterra jogava a Copa do Mundo na África do Sul, assistia a tudo pela TV e, aos 14 anos, sonhava em poder um dia também disputar um Mundial. Só não imaginava que isso fosse tornar-se realidade tão cedo.

Já o atacante Rickie Lambert provavelmente não tinha nenhuma esperança, há quatro anos, de jogar uma Copa do Mundo. Na ocasião, já estava com 28 anos, jogando a terceira divisão da Inglaterra, pelo Southampton. De 2010 para cá, porém, levou o time até a elite do Campeonato Inglês, ganhou a oportunidade de jogar um amistoso em agosto do ano passado, agradou, e acabou ficando.

"Isso é fantástico e estou amando. Estou com a seleção há alguns dias e é um sonho que está sendo realizado. Isso significa tudo para mim. É o melhor momento da minha carreira e estou desfrutando cada minuto. Há quatro anos, estava milhares de milhas de onde estou hoje", comentou Lambert, na concentração da Inglaterra, em Portugal.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave